Bom, o Brasil acordou na última sexta-feira com mais um escândalo. A operação da Carne Fraca, da Polícia Federal, mostrou diversas irregularidades com duas das principais empresas de alimentos do Brasil: a JBS e a BRF. O mercado de ações não deixou barato, com a ação da JBS despencando 10,59% e a BRF caindo 7,25%. Mas a pergunta é: isso foi merecido?

O mercado de ações (especialmente o brasileiro) é um mercado de oportunidades. E é bom que o investidor saiba identificar essas oportunidades, principalmente se ele quiser especular a respeito do futuro das ações e apostar numa queda mais acentuada ou em uma possível recuperação dessas ações.

O fato é que a situação das duas empresas não se alterou de forma significativa. Foram três frigoríficos fechados entre centenas que as duas empresas possuem. Há muitas irregularidades, mas o resultado das duas não deve ser impactado em 7%-10% por conta disso. O mercado exagera quando uma notícia dessas aparecem, fazendo as ações caírem muito mais do que o merecido usualmente. E o que se vê nos pregões seguintes? A recuperação.

Mas, ao mesmo tempo, são duas empresas que não estão bem há tempos. A BRF tem queda de 23% em um ano em que a bolsa tem se recuperado com força. Se você olhar na plataforma da PenseRico, vai ver indicadores que não são nenhum pouco bons para as duas empresas. E que certamente só vão piorar se a operação resultar em questões negativas para as duas empresas: dificuldade de exportar, menor confiança na marca, dificuldade para financiar.

Talvez o mercado continue apostando na trajetória de queda para as duas empresas, então, possivelmente, o caminho não é apostar na alta comprando ações e sim operando short as duas companhias. Como saber qual é o melhor caminho? Estudar, estudar e estudar. Passar horas se debruçando nos balanços delas e de outras empresas para ver se elas estão caras.

Um jeito fácil é usar a plataforma da PenseRico, que mostra uma grande quantidade de indicadores qualitativos, informativos e todos os números de fluxo de caixa delas e de todas as empresas de capital aberto listadas na Bovespa. Não tem fórmula: cada investidor tem seu caminho. Recomendo você achar o seu.

Posso terminar esse texto com um pedido? Se você gostou, dá uma curtida na página de Facebook? Assim você continua recebendo o melhor conteúdo direto na sua rede social!

Comments

comments

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here